• Outubro de 2017
Home / Notícias

Vendas no varejo de São Paulo crescem 1,8% até outubro, diz ACSP

As vendas à vista e a prazo no varejo da cidade de São Paulo cresceram 1,8% entre janeiro e outubro deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado, segundo dados do Balanço de Vendas da Associação Comercial de São Paulo (ACSP). A previsão é encerrar 2014 com crescimento de 2%.

Vendas para o Dia das Crianças crescem 1,8% em 2014, diz Boa Vista
Preço da carne e das frutas puxa alta no custo de vida em São Paulo
“Nos últimos meses, o varejo recuperou gradualmente as perdas do primeiro semestre. Mesmo assim, o resultado é fraco e nossa perspectiva é de aumento de cerca de 2% em 2014, abaixo das previsões para o varejo brasileiro”, afirmou Rogério Amato, presidente da ACSP, da Facesp (Federação das Associações Comerciais do Estado de SP) e presidente-interino da CACB (Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil).

Segundo o IMC (Indicador de Movimento do Comércio a Prazo), houve alta sazonal entre setembro e outubro de 12,3% nas vendas a crédito. O crescimento é creditado ao aumento das compras no Dia das Crianças.

As vendas à vista, medidas pelo ICH (Indicador de Movimento de Cheques), aumentaram 22,1% em outubro ante setembro. A forte alta é resultado do dia útil a mais que houve em outubro e pela procura do consumidor por presentes de pequeno valor para o Dia das Crianças, o que facilita o pagamento.

O IRI (Indicador de Registro de Inadimplentes), que mede a entrada de consumidores inadimplentes, apontou queda de 3,2% em outubro, em comparação ao mês anterior. O IRC (Indicador de Recuperação de Crédito), que aponta o cancelamento de dívidas, registrou queda de 1,6% no mesmo período.
“O fato de os números do IRC estarem ligeiramente maiores do que os do IRI sinaliza estabilidade na inadimplência com propensão a queda, neste momento”, disse, em nota, o Instituto de Economia da ACSP, que elabora o balanço de vendas.

Fonte: G1