• Setembro de 2017
Home / Notícias

Produtos paranaenses com certificação participam do Festival Brasil Sabor

Curitiba - Produtos paranaenses com registro de Indicação Geográfica (IG) e com o Selo Alimentos do Paraná participaram, na terça-feira (16), da abertura do Festival Brasil Sabor, promovido em Curitiba, no Paraná, pela Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-PR). O objetivo principal é fomentar a integração das IG e do Selo de gastronomia do Estado.

“É um bairrismo positivo. Queremos que os restaurantes paranaenses tenham lá em seu cardápio ‘Cachaça de Morretes’, ‘sobremesa feita com a Goiaba de Carlópolis’, por exemplo. Então, esse Festival é uma oportunidade de aproximação entre os produtos, restaurantes, consumidores, além de formadores de opinião e imprensa”, explica a coordenadora estadual de Agronegócio do Sebrae no Paraná, Andreia Claudino.

Criado pelo Ministério da Agricultura e pelo Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) para identificar os diferenciais de qualidade e origem ao consumidor, o registro de Indicação Geográfica acontece quando um produto se torna conhecido por uma característica diferenciada, por ser produzido em determinada região ou território específico. É o caso, por exemplo, da cachaça produzida em Morretes, no litoral do estado, que estava entre os produtos selecionados pelo Sebrae para participar da mostra do Brasil Sabor.

“É notório que os restaurantes não nos conhecem, porque não conseguimos nos colocar no mercado, em decorrência dos tributos da cachaça de alambique acompanharem os da cachaça industrial. Nas poucas conversas que fiz aqui, já vi que os restaurantes são ávidos pelo nosso produto. Essa é uma ótima oportunidade de unir fornecedores e restaurantes”, destaca Sadi Poletto, da Casa Poletto, um dos alambiques beneficiados pela IG da Cachaça de Morretes.

Em fase de obtenção da IG, um produto que tem ganhado os cardápios de restaurantes é a erva-mate de São Mateus do Sul, no sul do Paraná. “É o primeiro evento direcionado à gastronomia de que participamos. Em São Mateus, bares e restaurantes já oferecem produtos com nossos componentes, como sucos, licores, pão de mel, sorvete e até mousse de erva-mate. Mas aqui temos a possibilidade de apresentar nosso produto a mais restaurantes do estado”, aposta Ronaldo Toppel Filho, presidente da associação IG-Mathe, que conta com cerca de 80 produtores.

Uma das 19 produtoras registradas com a IG da Goiaba de Carlópolis, no norte do Estado, Liete Marins de Oliveira conta que o acompanhamento do Sebrae no Paraná tem sido fundamental para que o produto avance no mercado. “Agora, começamos a exportar. E temos qualidade certificada para entrar nesse mercado de restaurantes. Nossa expectativa é muito boa”, afirma.

Pequenas empresas paranaenses certificadas com o Selo Alimentos do Paraná, programa idealizado pelo Sebrae, em parceria com a Fiep, Fecomércio-PR, Associação Paranaense de Supermercados (Apras) e a Abrasel-PR, tendo o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) como avaliador, também participaram da Feira Brasil Sabor. O Selo comprova não só eficiência na gestão de processos, de acordo com as exigências legais de segurança e qualidade alimentar, mas também na gestão empresarial, dentro do Modelo de Excelência da Gestão (MEG), da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ).

A Quinta das Cerejeiras, de Tijucas do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, que fabrica e comercializa farinhas integrais, viu no evento uma oportunidade de ampliar sua presença no varejo. “Antes do Selo, nosso forte eram as indústrias, com embalagens de 20 quilos. Agora, estamos começando com produtos de 300 gramas, um quilo, para restaurantes, bares e academias. A expectativa é fechar novos negócios aqui, ou sair com clientes engatilhados”, conta o proprietário Fernando Voese.

Mesma opinião é a da proprietária da Anni Haus Alimentos, de São José dos Pinhais, Anibela Feltz Pajewski. “Já fornecíamos para restaurantes, mas estamos ampliando nossa presença nesse mercado. Nosso carro-chefe é a raiz forte, bastante utilizada em comidas de boteco. Com o Selo, tivemos um salto, porque é uma certificação que mostra ao cliente segurança alimentar e a qualidade dos produtos”, completa.

Brasil Sabor

Realizado em diversas cidades brasileiras até o dia 4 de junho, o Festival Brasil Sabor chega neste ano à 12ª edição. No evento, cada restaurante participante prepara um prato a partir da “comida do lugar”, uma forma de fazer gastronomia valorizando ingredientes da própria região. O preço dos pratos do Festival é diferenciado, e os estabelecimentos participantes estão disponíveis no site http://www.brasilsabor.com.br.