• Outubro de 2017
Home / Notícias

Vendas online no mundo cresceram 15% em Fevereiro

As vendas online cresceram 15% em Fevereiro, comparadas com o mesmo período do ano anterior, de acordo com a última pesquisa da IMRG.

O cenário continuou o impulso do último Fevereiro, quando as vendas cresceram 16%, de acordo com o Índice de Vendas de e-Retail da IMRG Capgemini.

As vendas via smartphones cresceram 57% em relação ao mesmo período, mas isso representou uma desaceleração em relação ao crescimento de 96% no ano anterior. Nos últimos anos, o comércio móvel tem impulsionado o crescimento das vendas no varejo, mas este é o terceiro mês consecutivo no qual a taxa de crescimento de vendas via smartphones tem caído aproximadamente pela metade. As vendas via tablets cresceram muito lentamente, cerca de 3,5%.

No entanto, a IMRG diz que o abrandamento do crescimento através de dispositivos móveis foi específico para os varejistas online. Para os varejistas multicanais, que vendem on-line e em lojas físicas, o crescimento das vendas por meio de dispositivos móveis aumentou ligeiramente.

Bhavesh Unadkat, principal consultor no projeto de engajamento de clientes de varejo da Capgemini [IRDX VCPG], afirmou: “Foi positivo ver uma sólida taxa de crescimento do varejo on-line em fevereiro de 2017, com uma forte taxa de crescimento de 16% em fevereiro de 2016. No entanto, houve um ligeiro declínio na taxa de crescimento deste mês, e que poderia ser atribuída a um choque na confiança dos consumidores desencadeada por preços mais elevados. Talvez não seja coincidência que a taxa de crescimento do Índice tenha caído ligeiramente em face de uma taxa de inflação mais alta, que foi de mais de 1,5% em janeiro de 2017, em comparação com 0,3% em janeiro de 2016.

“Embora existam alguns sinais de alerta para a indústria de varejo – como vendas feitas em smartphones caindo mês a mês, por exemplo – estas são as tendências que vimos ecoar nos anos anteriores. Tradicionalmente janeiro e fevereiro são meses mais lentos para as compras feitas em smartphones, e vendas online no geral.”

Como as vendas online cresceram no mundo todo, o tíquete médio também cresceu. O índice mensal esteve mais alto por sete anos. Os varejistas multicanais, principalmente, se beneficiaram com os tíquetes médios acima de £ 20 comparados a um ano mais adiantado.

Em todos os sectores, as vendas de eletrônicos aumentaram 1,5%. O valor médio da compra, no entanto, estava abaixo de £8 em relação ao ano anterior.

Justin Opie, diretor executivo da IMRG [IRDX VIMR], disse: “É encorajador ver o segundo mês de alta no tíquete médio em sete anos seguidos. Quando se trata de smartphones, porém, a desaceleração no crescimento das vendas parece ser bastante dramática. Dito isto, as taxas de crescimento do smartphone nos últimos dois anos foram muito altas, e isso não poderia continuar indefinidamente. A desaceleração é específica para os varejistas on-line – os varejistas multicanal estão se saindo melhor do que têm sido através do celular, com compras com valores muito maiores.

“Mesmo assim o índice permanece positivo, mas talvez com uma ou duas nuvens no horizonte. Os smartphones têm sido o motor do crescimento móvel, e a desaceleração pode impactar o crescimento. E, é claro, a incerteza sempre presente da Brexit é grande em 2017, com a inflação subindo e o esperado iminente desencadeamento do Artigo 50 por vir “, disse Justin.