• Novembro de 2017
Home / Notícias

Notícias

Veículos: Anfavea vê queda nas vendas desacelerando e espera estabilização

A queda de 5,2% no mercado de veículos em janeiro, na comparação com janeiro do ano passado, frustrou as montadoras, mas o setor segue acreditando em crescimento nas vendas em 2017, com uma estabilização já no primeiro trimestre, afirmou nesta segunda-feira (6/2), o presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Antonio Megale.

Megale disse que estava esperando que as vendas em janeiro fossem "um pouco melhor" do que janeiro do ano passado, mas ressaltou que, embora o mercado ainda esteja em queda, o ritmo de contração tem ficado menor. "Em janeiro do ano passado, a queda foi de 38% e nós fechamos o ano com recuo de 20%. Em dezembro de 2016, a baixa foi em torno de 10%. Então, com uma queda de 5,2% em janeiro, significa que o mercado vem caindo menos", afirmou.

Com o mercado caindo cada vez menos, Megale acredita que as vendas devem chegar a uma estabilização já no primeiro trimestre deste ano. Ele destacou também que a concessão de crédito "está um pouco melhor", embora ainda com restrição. O executivo citou que a participação dos financiamentos no mercado subiu para 54,1%, depois de terminar 2016 a 53%.

A projeção da Anfavea para o ano inteiro é de crescimento de 4% nas vendas. Com tal expectativa, as montadoras têm elevado a produção. Em janeiro, o avanço foi de 17,1% em relação a janeiro do ano passado. Com o aumento na produção acompanhado de uma queda nas vendas, os estoques cresceram. Segundo Megale, este avanço nos estoques indica que as montadoras "estão se preparando" para um aumento na demanda nos próximos meses.

Essa preparação das montadoras também tem como alvo o avanço das exportações. Em janeiro, o número de veículos vendidos ao exterior alcançou 37.189 unidades, o maior resultado para meses de janeiro desde 2008. Em relação a janeiro do ano passado, houve crescimento de 56%.

Posts Recentes