• Novembro de 2017
Home / Notícias

Notícias

ES: Donos de supermercados ainda não decidiram se abrirão aos domingos

Após a definição de que os supermercados do Espírito Santo poderão voltar a abrir as portas aos domingos, na época das férias, a maioria dos empresários do setor no Estado ainda não decidiu se colocará em funcionamento suas lojas durante o primeiro dia da semana.

Conforme a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) 2016/2017, definida durante reunião entre representantes da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Espírito Santo (Fecomércio- ES) e do Sindicato dos Comerciários do Espírito Santo (Sindicomerciários-ES), cada empresa fica livre para decidir se funciona ou não durante aos domingos, a partir da segunda quinzena de dezembro e durante os meses de janeiro, fevereiro (até o carnaval) e julho.

No entanto, entre as grande empresas do setor que atuam no Espírito Santo, somente o Extra Bom e o Perim já chegaram a uma decisão. O primeiro informou, por meio de nota, que as lojas da rede voltarão a funcionar aos domingos, expressamente no período estabelecido pela Convenção Coletiva de Trabalho. Segundo o Extra Bom, os supermercados estarão abertos à população a partir do dia 18 de dezembro até o Carnaval.

Já o Perim informou que manterá sua política de manter suas lojas fechadas no domingo, por considerar que esse é o dia de descanso para seus colaboradores. Além desse posicionamento, o retorno no atendimento aos domingos não é defendido pela empresa, por considerá-lo financeiramente inviável.

O diretor da rede de supermercados Carone, Júnior Carone, disse que a empresa deverá ter uma posição definida dentro de uma semana. No entanto, ele admite que, a princípio, a empresa avalia que a abertura aos domingos não é compensatória.

"No verão, temos uma saída muito grande da população da Grande Vitória para o litoral, então o movimento em nossas lojas caem bastante. Além disso, o custo para abrir um supermercado aos domingos é muito alto", considerou.

Outro empresário do setor, Solimar Biazutti, responsável pelo supermercado Rede Show de Terra Vermelha, em Vila Velha, afirmou que não abrirá seu estabelecimento nos domingos. Ele disse que os responsáveis pelas 12 lojas da rede se reuniram na terça-feira, para tratar do assunto, e somente um demonstrou interesse em abrir no dia.

"Somente o proprietário da loja de Guaranhuns (Vila Velha) se manifestou favorável a essa decisão. Mas cada loja da rede é livre para decidir. Eu não vou abrir minha loja, porque considero que não é viável financeiramente. Além disso, prejudica a qualidade de vida dos funcionários, que têm o direito de tirar folga aos domingos", ressaltou.

O gerente administrativo do supermercado Multishow de Meaípe, em Guarapari, Vagner Amaral Silva, informou que a tendência, na rede, é que só sejam colocadas em funcionamento as lojas localizadas no litoral capixaba. No entanto, uma reunião no próximo dia 22 deve concretizar essa decisão.

Já o gerente do hipermercado Casagrande, em Linhares, disse que a empresa, por enquanto, não vai se manifestar sobre a abertura das lojas aos domingos. "Ainda temos tempo para definir isso e, até a segunda quinzena de dezembro, já teremos uma decisão", frisou.

Por meio de nota, as redes de supermercado Epa e Walmat informaram que ainda não decidiram sobre a abertura de suas lojas aos domingos no Estado. Já o Carrefour disse que mantém o diálogo com os órgãos públicos competentes para definir seu calendário de abertura nos domingos e feriados, buscando a melhor forma de atender aos consumidores da região.

Posts Recentes