• Novembro de 2017
Home / Notícias

Notícias

Estudo mostra que varejo do Vale do Paraíba faturou mais que estados brasileiros

Um estudo divulgado nesta semana pelo Sincovat (Sindicato do Comércio Varejista de Taubaté), mostra que o Vale do Paraíba se destacou na economia no ano de 2014. O comércio varejista da região de Taubaté, formada por 39 municípios, faturou R$ 23,1 bilhões naquele ano, ocupando a nona posição entre as 16 regiões paulistas analisadas e com participação de 4.5% no total do varejo no Estado de São Paulo.

O valor é equivalente a cinco vezes a receita varejista do estado do Tocantins (R$ 4,6 bilhões), por exemplo, e superior ao de 12 estados brasileiros. Os dados recebidos pelo Sincovat (Sindicato do Comércio Varejista de Taubaté e região) são de um estudo elaborado pela FecomercioSP, com base na Pesquisa Anual do Comércio (PAC) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Se a RM Vale fosse um estado brasileiro, o faturamento do varejo seria maior do que os valores registrados no Rio Grande do Norte (R$ 22,2 bilhões), Pará (R$ 21,7 bilhões), Paraíba (R$ 20,8 bilhões) e Piauí (R$ 17 bilhões).

O varejo da região empregava 123.363 pessoas em 2014, número superior ao de 12 estados brasileiros e nono maior entre as 16 regiões analisadas em São Paulo.

O total de rendimentos pagos foi de R$ 1,9 bilhão, quantia maior do que a de 12 estados e a 12ª maior entre as 16 regiões paulistas, sendo 8,9% menor do que a média do Estado. A remuneração média mensal dos funcionários do nosso varejo foi de R$ 1.256,25, renda superior a de 14 estados brasileiros e 4,1% maior do que a média nacional que é de R$ 1.206,70.

Confira abaixo o ranking estadual das regiões estaduais:

Capital - R$ 160,4 bilhões
Campinas - R$ 50,5 bilhões
Osasco - R$ 48,8 bilhões
Ribeirão Preto - R$ 29,7 bilhões
ABCD - R$ 28,9 bilhões
Jundiaí - R$ 28,8 bilhões
Guarulhos - R$ 27,8 bilhões
Sorocaba - R$ 26,2 bilhões
Taubaté - R$ 23,1 bilhões
Litoral - R$ 17,5 bilhões
São José do Rio Preto - R$ 17 bilhões
Bauru - R$ 15,7 bilhões
Araraquara - R$ 13,6 bilhões
Marília - R$ 9,8 bilhões
Araçatuba - R$ 7,7 bilhões
Presidente Prudente - R$ 7,4 bilhões

Fonte: Guia Taubaté

Posts Recentes