• Novembro de 2017
Home / Notícias

Notícias

Custos da indústria recuam 0,26% de julho para agosto

Os custos dos insumos usados pela indústria caíram 0,26% entre julho e agosto. Esse foi o segundo recuo consecutivo desses preços – no ano, a queda é de 0,93%. Os dados fazem parte do Índice de Preços ao Produtor (IPP) e foram divulgados nesta terça-feira (27).

Um recuo nesse indicador é importante porque mostra que a indústria começa a ter um custo menor de produção, o que aumenta as margens de lucro das empresas, o que dá mais força para que elas saiam da recessão.

Esse dado também é positivo para o consumidor, que em algum momento pode ver uma redução de preços nas prateleiras. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), dois grupos de produtos tiveram mais influência sobre o resultado de agosto.

Alimentos ficaram 0,71% mais baratos na passagem de um mês para o outro. Alexandre Brandão, coordenador da pesquisa, explicou que em julho os custos dos alimentos haviam subido em decorrência do leite.

Preço do leite

Ele explicou que em decorrência da entressafra do produto, os preços subiram para a indústria e consequentemente aumentou o valor cobrado dos consumidores em itens como iogurte, leite na caixa, queijo e outros derivados.

“Neste mês, houve uma reversão e os preços do leite passaram a cair”, relatou Brandão. “O mercado já está se ajustando depois da entressafra”, observou o técnico do IBGE. No caso de outros químicos, houve uma queda de 2,54%, recuou puxado pelo preço menor da nafta e pelo recuo do dólar frente o real.

Posts Recentes