• Agosto de 2018
Home / Notícias

Notícias

Supermercados de vizinhança são representam 48% da alta do setor em 2015

De acordo com pesquisa apresentada pela Associação Paulista de Supermercados – APAS e realizada pela Nielsen, os supermercados de vizinhança, também chamados de minimercados, foram responsáveis por 48% do crescimento do setor supermercadista em 2015 e estão cada vez mais atrativos ao consumidor, que conta com comodidade, praticidade, proximidade, atendimento muitas vezes personalizado e bons preços em um só estabelecimento, e perto da sua casa.

Os dados apontam que os mercados de vizinhança possuem maior concentração das compras de reposição (67%) contra um percentual menor no autosserviço como um todo (56%). Por este motivo, o ticket médio dos mercados de vizinhança permanece menor (R$ 38) se comparado aos supermercados (R$ 66). Assim, é possível dizer que este segmento é a extensão da dispensa do brasileiro, já que quando acaba um produto na residência, geralmente, são nos minimercados que este produto é resposto pelas famílias.

Conforme explicou o gerente de Economia e Pesquisa da APAS, Rodrigo Mariano, a compra de reposição cresce de forma geral para todos os canais. Em 2014, essas compras representavam 55% do volume nos autosserviços. Em 2015 o montante saltou para 56%.

A falta de tempo e a busca por praticidade estão levando cada vez mais os consumidores a escolher este modelo de loja para suas compras rápidas. “Isso mostra a diversidade de canais, que é um a tendência da mudança de hábitos de consumo”, complementa o economista.

Fonte: Agência IN

Posts Recentes