• Outubro de 2018
Home / Notícias

Notícias

Shopping Popular Cuiabá se torna marca registrada após duas décadas

Com as mudanças de conceitos e em suas estruturas, o Shopping Popular de Cuiabá registrou sua marca no Instituo Nacional de Propriedade Industrial (INPI). Primeiro do gênero no Brasil, a ideia do registro partiu da necessidade de exclusividade, tendo em vista que hoje o estabelecimento é referência nacional em modelos de Shopping Populares e sua marca está mais exposta.

Em 2015, iniciou o processo de registro e hoje a Associação dos Camelôs do Shopping Popular é detentora da marca (Shopping Popular Cuiabá) em todo território nacional, vindo assim a inibir uso indevidos da marca e o combate à pirataria. O registro foi feito pela empresa “Domínio Marcas e Patentes”. Curiosamente, o local começou com revenda de produtos piratas e hoje combate a pirataria.

O presidente Associação dos Camelôs do Shopping Popular, Misael Galvão, explicou que o projeto de a marca ser registrada é valorizar quem trabalha e quem produz. “A ideia é fortalecer a marca, dar mais seriedade ao empreendimento e segurança aos camelôs, com a exclusividade do seu local de trabalho, pois hoje nossa exposição é muito maior e estamos tomando cuidado, construirmos este nome em 20 anos de muita luta, sofrimento e conquista”, ponderou ele, para a reportagem do Olhar Direto.

“Nada mais justo do que assegurar a nossa marca, de papel passado. O cuidado é que há muitos atributos de uma marca: sua qualidade e sua reputação estão em jogo. O registro foi feito por uma empresa cuiabana a “Domínio Marcas e Patentes”: é dar valor ao nosso mercado local”, ponderou Misael.

Regulamentação

O órgão responsável pelo registro das marcas é o INPI, que realiza a busca e emite o certificado de registro nacional. Contudo, como a iniciativa não é obrigatória e o INPI só tem informação das empresas que o procuram, quem se restringe a essa busca não tem como saber se há uma outra empresa com a marca similar ou igual, registrada com a mesma definição (classe), na Junta Comercial de algum Estado. Em sendo assim, também foi feito uma varredura da marca Shopping Popular de Cuiabá.

Desta forma, como sua qualidade e sua reputação, o registro no INPI impede que a marca seja utilizada por terceiros. Porém, é impossível estar imune ao uso indevido, o que faz do resguardo à propriedade intelectual de uma empresa um trunfo importante dentro de um mercado cada vez mais competitivo.

“Reproduzir, imitar, alterar importar, exportar, vender, oferecer ou expor à venda uma marca registrada é crime. A proteção a tudo que se estende sobre determinada marca é fundamental para que, ocorrendo uma cópia ou falsificação, sobre ela, ou sobre seus produtos, o titular esteja devidamente amparado para tomar as medidas pertinentes e defender este patrimônio”, sintetizou Misael.

“Para isso, depois do registro, é preciso manter-se informado e vigilante à utilização da marca, tanto no mercado quanto com o INPI, pois há sempre a possibilidade de ocorrer pedidos de registro semelhantes, fazendo do acompanhamento do processo uma importante iniciativa para coibir o uso indevido e primar por sua integridade isso é feito pela Domínio”, justificou Kimberly Santos, diretor da empresa.

Domínio na internet

O uso da marca na internet também exige atenção. No universo digital, ela se chama domínio, ou URL, e se apresenta COB a forma www.suamarca.com.br. O “www” quer dizer que se trata de um domínio da internet (world wide web). O “.br” é a terminação mais comum e significa que foi efetuado no Brasil.
E o .com sem terminação significa que o registro foi realizado no EUA, e cada um dos outros países tem sua terminação própria, por isso o site www.shoppingpopularcuiaba.com.br está registrado também o domínio www.shoppingpopularcba.com.br para dar mais dinamismo em nossa marcas.

A cada dia, mais internautas registram seus nomes na internet; a partir daí, passam a ser um bem da pessoa ou empresa que o efetuou. Para consultar o site www.registro.br, podem-se consultar extensões de domínios brasileiros com registro.

Fonte: Olhar Direto

Posts Recentes