• Setembro de 2018
Home / Notícias

Notícias

MT: shopping em Sinop deverá ser inaugurado em 2017

O shopping, que está sendo construído na avenida Alexandre Ferronato, próximo a Universidade Federal de Mato Grosso, deve ficar pronto em 2017. O empresário Roberto Martins, que lidera o grupo empresarial responsável pelo empreendimento, informou, ao Só Notícias, que os atrasos na emissão de documentos e licenças para iniciar obras ocasionaram a mudança do cronograma de conclusão. “Não ficará pronto para 2016, como queríamos. Porém, algumas empresas, que já assinaram contrato conosco, comemoraram este adiamento, pois poderão se programar melhor financeiramente”, afirmou. Atualmente, está sendo feita a terraplanagem do terreno.

Para se ter dimensão do tamanho da obra, cerca de 200 caminhões descarregam terra diariamente. A estabilização do solo deve contar com uma “ajuda” das chuvas. “É uma compactação natural que deverá ocorrer. Estamos colocando sobrecarga de terra, para ter maior estabilidade no terreno. Após inauguração, acreditamos que as cargas não chegarão a ter peso industrial, mas estamos fazendo esta ‘válvula de segurança’, apesar de custar mais”, explicou. Paralela à construção, o grupo empresarial ainda negocia as áreas comerciais do shopping. Segundo Roberto, 75% estão com contratos assinados, sob proposta ou em análise do departamento jurídico. São de empresas do ramo de vestuário, joias, alimentação, academia, venda de brinquedos e jogos, cinema, entre outras. “Cerca de 40% de contratos, 25% de propostas e 10% no jurídico.

A comercialização poderia estar até mais avançada, mas temos que avaliar algumas propostas porque não podemos ter muitas lojas em uma mesma categoria, por exemplo, vestuário. Temos que ter cuidado para conseguir diversificar”. No total, serão 140 lojas dentro shopping. A estimativa é que sejam gerados aproximadamente 1,5 mil empregos. O shopping Sinop terá 22.750 metros de ABL (área bruta locável), 36 mil metros quadrados de área construída e 1.350 vagas de estacionamento.

O investimento total será de R$ 130 milhões sendo R$ 110 milhões na obra civil. Mas é provável que o valor seja maior que o previsto anteriormente devido aumento nos preços de insumos e questões de logística. Com investimentos que os lojistas farão para instalar suas unidades o montante total deverá passar de R$ 170 milhões.

Posts Recentes