• Setembro de 2018
Home / Notícias

Notícias

Como engajar o público feminino no m-commerce

São Paulo, 24 de agosto de 2015 – Pesquisas recentes indicam que é crescente o número de mulheres que aderem às compras virtuais via dispositivos móveis, e que o público feminino já representa uma fatia relevante desse mercado. De acordo com o Relatório Webshoppers 2015, realizado pelo E-bit, mais da metade (57%) dos consumidores de m-commerce no Brasil são mulheres, em sua maioria (39%) com idade entre os 35 e 49 anos.

Além disso, segundo a pesquisa, as categorias que mais vendem no m-commerce têm relação com o público feminino: Cosméticos, Perfumaria e Saúde (17,4%), Moda (15%) e Eletrodomésticos (11,1%). Estudo da Forrester Research divulgado em outubro de 2014 indica que os produtos mais comprados pelas mulheres via sites móveis são: livros (33%), itens de moda (32%), sapatos (30%) cosméticos (26%) e computadores (26%).

César Bonadio, CEO da Viewit Mobile (Viewit.com.br), empresa especializada na migração de sites desktop para sites móveis, dá algumas dicas para tornar o mobile site atraente para as consumidoras:

• Ofereça produtos relacionados: É interessante pensar na compra com um todo, e não somente de um produto específico. Consumidoras mulheres tendem a considerar a compra de produtos relacionados ao primeiro item, desde que sejam apresentados da forma correta e com os benefícios que indicam a qualidade. No caso das categorias Cosméticos/Perfumaria e Moda, por exemplo, é possível sugerir “looks” ou produtos de beleza que tenham relação com o primeiro item adquirido. Em outras categorias pode ser mais desafiador estabelecer relação entre diferentes produtos, mas vale a pena considerar, pois isso cria empatia com o site e estimula a cliente a comprar mais.

• Aposte na recomendação: As mulheres costumam valorizar bastante a opinião das amigas e conhecidas que já usaram um determinado produto. Pesquisa da MineWhat divulgada no final de 2014 indicou que, para as mulheres, exibir avaliações de clientes é algo essencial para um e-commerce. Por isso, é recomendável dar destaque aos depoimentos ou opiniões de consumidores anteriores. Relatos ou notas positivas sobre um creme para o rosto, um produto para os cabelos ou um eletroeletrônico, por exemplo, têm grandes chances de ajudar a potencializar as vendas.

• Invista em conteúdo segmentado: Criar um canal com conteúdo voltado para o público feminino também pode ser uma boa ideia. Uma alternativa seria um blog temas que despertam o interesse dessa audiência, sempre fazendo conexão com produtos vendidos no m-commerce. Conteúdo relevante ajuda a engajar as consumidoras, que passam a ser simpatizantes da marca ou empresa, deixando de utilizar o site exclusivamente para compras. Outra opção é a criação de fóruns temáticos onde as consumidoras possam interagir e registrar impressões sobre produtos.

Sobre a Viewit Mobile

Fundada em 2007, a Viewit Mobile (http://www.viewit.com.br/) é uma empresa de desenvolvimento de software que tem como missão encontrar soluções inovadoras e personalizadas no mundo mobile para seus clientes, garantindo vantagem em relação à concorrência em cada mercado.

Fonte: Divulgação

Posts Recentes