• Outubro de 2017
Home / Notícias

ABC: Pesquisa projeta queda de 2% na receita do varejo para o Dia dos Pais

O aumento da inflação e a redução do poder de compra do brasileiro deverão segurar os ganhos do varejo no Dia dos Pais. No Grande ABC paulista, a perspectiva é de redução de 2% no faturamento dos lojistas este ano, sobre 2014, com destaque para os presentes de baixo valor agregado.

"Resolvemos ampliar nosso estoque de presentes de até R$ 50 em 10% este ano. Essa foi a solução para tentar manter o ritmo das vendas e não sentir tanto a desaceleração econômica", avaliou o sócio da loja de roupas masculinas Ultra Modas, com duas unidades em Santo André, Hermínio Graciano Soares. Entre os itens mais procurados na semana anterior à data comemorativa estão cintos, gravatas, lenços e outros acessórios.

De acordo com a Pesquisa de Intenção de Compras (PIC) para o Dia dos Pais 2015, realizada pelo Observatório Econômico da Universidade Metodista de São Paulo, a data neste ano deverá movimentar R$ 63 milhões no comércio das sete cidades. O valor é superior aos R$ 59 milhões projetados em 2014. Descontada a inflação de 8,89% no período, a previsão representa queda real de 2%.

Os principais presentes, de acordo com a instituição de ensino, deverão ser vestuário e calçados, citados por 44,5% dos entrevistados, perfume e cosméticos (17,5%), relógios e joias (5,6%) e artigos esportivos (5,2%).

A forma preferida de pagamento será o dinheiro (36,4%), segunda pelo cartão de crédito (34,4%) e de débito (26,5%). "Foi verificada a preferência pelo cartão de crédito em razão da possibilidade de parcelamento", detalhava o estudo.