• Outubro de 2017
Home / Notícias

Brasileiros investem no e-commerce para complementar renda, revela pesquisa

O e-commerce cresceu 42% no primeiro semestre do ano, segundo o levantamento da Loja Integrada - uma das maiores plataformas de e-commerce da América Latina. De acordo com a empresa, mais de 55 mil brasileiros abriram uma loja virtual nos primeiros seis meses do ano, sendo que 60% são da região Sudeste e dos estados da Bahia e Pernambuco. Para Adriano Caetano - diretor da Loja Integrada - o cenário econômico é um dos fatores que contribuiu para o aumento. "Os brasileiros estão em busca de maneiras para aumentar a renda e abrir seu próprio negócio na internet é um investimento barato, que pode ser feito em paralelo com um emprego formal", explica Caetano.

Enquanto o varejo passa por dificuldades diante da crise econômica no país, o e-commerce continua faturando e é oportunidade para quem quer abrir seu próprio negócio no segundo semestre do ano. "Em períodos de crise, o consumidor busca o e-commerce como alternativa de preço ou até mesmo para evitar sair de casa e acabar tendo outros gastos. Na internet, ele encontra também produtos artesanais e originais dos pequenos e médios", explica Adriano.

Entre as mais de 200 mil micro e pequenas lojas virtuais da Loja Integrada, o faturamento triplicou no primeiro semestre frente ao mesmo período no ano passado e uma mudança de comportamento foi vista - pela primeira vez as mulheres ultrapassaram os homens nas compras online. Atualmente elas são responsáveis por 52% das compras no e-commerce.

Para quem busca um nicho de mercado para abrir sua própria loja virtual, Adriano Caetano dá duas dicas "Busque produtos originais e invista nas redes sociais, elas são a melhor forma de entrar em contato com o cliente e a forma mais barata da marketing".

Fonte: Maxpress