• Outubro de 2017
Home / Notícias

Crescem acessos a e-commerces internacionais

Um estudo realizado pelo CupoNation revela que a procura por lojas online internacionais entre os brasileiros tem aumentado. Atualmente, cerca de 12% dos acessos entre os 20 e-commerces mais procurados são para as três maiores lojas internacionais presentes no país.

O AliExpress, varejista online da gigante chinesa Alibaba, já é o quarto e-commerce mais acessos pelos brasileiros, ficando atrás apenas da Netshoes, Americanas e Walmart. Já o eBay ocupa a quarta posição e a Amazon a 17ª.
“Em alguns casos o preço praticado por esses varejistas pode ser mais competitivo do que em outros e-commerces. Um dos motivos da ascensão na procura por lojas internacionais são as inúmeras ofertas e cupons de desconto disponibilizados”, explica Maria Fernanda Antunes Junqueira, cofundadora e CEO do CupoNation.

No CupoNation o AliExpress também está entre os players mais procurados durante o primeiro semestre deste ano. O varejista online é o quarto preferido dos usuários de cupons de desconto online e oferece atualmente 13 vouchers. Já o eBay e a Amazon disponibilizam outras sete ofertas no site do CupoNation.

“Apesar de ser muitas vezes um ótimo negócio é preciso ter alguns cuidados ao comprar em lojas internacionais. Em primeiro lugar é preciso escolher lojas confiáveis, que tenham uma boa reputação no mercado. Segundo, antes de comprar algum produto é necessário pesquisar a legislação brasileira de importação para saber se é permitida a importação do produto em questão e quais são as alíquotas de taxa e impostos de importação cobrados. Finalmente, é recomendado que o consumidor compare os preços em uma loja brasileira antes de efetuar a compra, dado que pode não valer a pena comprar fora do Brasil”, finaliza a executiva.

Para conhecer as regras de importação e os impostos cobrados é preciso consultar a Receita Federal do Brasil, assim como site dos Correios. Em alguns casos ainda é preciso consultar órgãos governamentais específicos, como a Anvisa para a importação de medicamentos e alimentos.