• Outubro de 2017
Home / Notícias

Apenas 15% das empresas de e-commerce brasileiras têm lojas físicas

O universo do e-commerce brasileiro é formado em sua maioria por companhias de pequeno porte e que vendem exclusivamente no mundo virtual, segundo detectou pesquisa do PayPal, empresa de pagamentos digitais.

De acordo com o levantamento, o comércio eletrônico brasileiro é composto de 450 mil e-commerces ativos. Do total, apenas 15% das companhias de venda virtual contam com endereços de lojas físicas. Os demais 85% são negócios que só existem na web. O dado é visto como um indício da facilidade de se abrir um negócio online, uma vez que é possível começar um comércio eletrônico com ferramentas gratuitas.

A pesquisa, feita pela Big Data e que conta com dados atualizados até 1º de março, detectou que a grande maioria dos endereços de e-commerce é pequeno. Grande parte é focado em um nicho de produtos. Em 81% deles, são oferecidos ao consumidor até dez produtos.

Outro dado que comprova o tamanho pequeno de grande parte das empresas de venda por internet é que 88% deles recebem até 10 mil visitas mensais. Já um universo de 11% das empresas recebe entre 10 mil e 500 mil visitas mensais. Menos de 1% dos endereços de comércio eletrônico supera a marca de meio milhão de visitas por mês.

Levantamento anterior feito pelo IPSOS a pedido do PayPal indicava a perspectiva de que o e-commerce no Brasil movimente este ano R$ 81,3 bilhões. Para 2016, a projeção é de R$ 92,9 bilhões e, com isso, espera-se que o setor mantenha um crescimento anual próximo de 14%.