• Setembro de 2018
Home / Motivação

Motivação

Engenheiro deixa carreira para inovar...

Engenheiro deixa carreira para inovar no setor de pipocas

Quem disse que uma boa ideia não pode nascer de um momento de dificuldade? Isso foi o que o empreendedor Evandro Francklin descobriu tão logo se formou em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), em julho de 2016, quando enfrentou as vicissitudes para entrar no mercado de trabalho. Foi então que resolveu empreender.

Evandro nasceu e foi criado no município de Itaú de Minas, no Sudoeste mineiro, de onde saiu para a tão sonhada graduação em Uberlândia.

Com as dificuldades para se manter na cidade, Evandro, juntamente com alguns amigos, criou uma banda para tocar nos badalados bares de Uberlândia e honrar seus compromissos. Com o passar dos semestres, foi se desmotivando com a graduação, o que acabou prejudicando o tempo para conclusão, que passou de cinco para oito anos e meio.

Após concluir o curso, Evandro voltou para a cidade natal e tentou alguns empregos, sem êxito. Numa viagem com a família em Guaratinguetá/SP, um pipoqueiro trabalhando próximo a uma escola despertou sua curiosidade devido à quantidade de pessoas na fila.

Ao provar o produto, Evandro entendeu o diferencial daquele pipoqueiro ao perceber que havia um item agregado, queijo desidratado, inexistente nos dos concorrentes. Veio daí o start para empreender em Itaú de Minas.

Retornando à casa, Evandro resolveu pesquisar o ramo de pipocas e descobriu ali uma excelente oportunidade para empreender. Além de não possuir um concorrente inovador, o investimento seria baixo.

Para montar seu plano de negócio, buscou ferramentas de leitura em sites, incluindo o do Sebrae. Foi então que, em julho de 2017, Evandro lançou no mercado o John Pipoca, com sede em Itaú de Minas.

Ele pensou em todos os detalhes. Pesquisa de mercado, elaboração do investimento, público-alvo, higiene, cardápio, criação e divulgação da marca, tenda se diferenciando dos carrinhos tradicionais. Buscou clientes principalmente na cidade de Passos, seu principal foco, 120 mil habitantes, distante apenas 16,4 km de Itaú de Minas.

Apesar de tanto planejamento, organização e ideias inovadoras, o começo do empreendimento de Evandro também passou por tropeços e dificuldades financeiras. Sua persistência o manteve de pé.

Os preços dos produtos variam de R$ 2,00 à R$ 8,00, em tamanhos médio e grande, e o cardápio é composto pelos sabores tradicional, doce, caramelizadas, leite ninho, queijo e bacon. John Pipoca trabalha de forma itinerante, em eventos, com tele-entrega e sob encomenda. Sua comunicação gira em torno das mídias sociais - Instagram e Facebook.

Em outubro de 2017, Evandro foi um dos convidados da Semana da MPE, do Sebrae Minas, realizado em Itaúna, no Centro-Oeste mineiro. Sua história de inovação e sucesso foi apresentada a empresários, empreendedores, colaboradores e parceiros locais, dentro do tema “Tendências de Vendas, conforme fala do empreendedor”.

Segundo ele, “tudo só foi possível graças ao planejamento bem executado, ao exercício contínuo de inovação e à preocupação com a higiene”. Hoje, Evandro, além de engenheiro, empreendedor e professor, é também inspirador e motivador de pessoas.

Fonte: https://revistapegn.globo.com/MEI/noticia/2018/01/engenheiro-deixa-carreira-para-inovar-no-setor-de-pipocas.html



Posts Recentes