• Novembro de 2017
Home / Motivação

Motivação

Como aumentar o desempenho

interna.jpg
Dons, talentos e vontade. Estas três palavras devem estar internalizadas nas pessoas que estão em busca de atingir o máximo de suas capacidades. A alta performance está relacionada com o “fazer melhor”, portanto, estas características devem ser identificadas e fortalecidas, inclusive eventuais impeditivos internos, para que ocorram desbloqueios e uma plena manifestação. Mas, para isso, é necessário que cada um entenda o que acontece dentro de si, ou seja, possuir autoconhecimento.
 
Atualmente, adquirir uma compreensão sobre si mesmo é muito difícil e, até mesmo, desafiador. “Estamos vivendo em uma sociedade altamente exigente e inconstante. O que era válido na semana passada, hoje já não é da mesma forma. 

Consequentemente, precisamos estar sempre nos atualizando, aprendendo e correndo atrás da informação. Durante este processo, muitas vezes deixamos de lado o ato da autorreflexão, que é base para o autoconhecimento”, afirma Eduardo Farah, sócio da Invok People & Purpose.
 
Outro fator proporcionado pelo autoconhecimento é a habilidade de realizar atividades de forma mais consciente e com vontade de dar o seu melhor. Pois, quando você se conhece, consegue ter plena certeza de suas ações e objetivos. Você passa a agir e não apenas a reagir. É neste momento que, de onde você pode direcionar os seus esforços, surge a segunda característica para o alcance da alta performance: o propósito.
 
Com a consciência de nossas vontades, podemos nos ligar aos serviços que mais nos identificamos e, dessa forma, buscar uma realização, o que nos permite gerar mais resultados para nós e para a empresa. “Quando estamos contentes e confiantes, não trabalhamos por obrigação, mas por prazer. Então, a produção é facilitada, melhorada e aumentada”, explica Farah. Estar em sintonia com o propósito da companhia também é essencial neste contexto. 
 
Além destas características citadas acima, não podemos esquecer da importância da atenção e da ética. Apesar de serem qualidades conhecidas da lista de “exigências empresariais”, alguns levantamentos mostram que em quase metade do tempo as pessoas da empresa não estão prestando atenção no que fazem, o que também impacta na qualidade da sua decisão ética. “Muitas companhias não se atentam a isso e acabam deixando de lado a atenção e a ética, outros fatores fundamentais para que as empresas atinjam seus objetivos, o que, afinal, é o que vai gerar um diferencial para a gestão da empresa”, afirma Farah que completa: “nós estamos em um mundo muitas vezes contraditório, que distorce o que é importante.  Só que as pessoas precisam se realizar dentro e fora das empresas. E todos ganham com isso, porque quando um profissional está realizado, ele traz mais resultados para a empresa”.
 
Quer aumentar o seu desempenho? Siga essas dicas de autorreflexão:
 
- Por que eu nasci?
- Qual é o meu objetivo de vida?
- Como está a minha vida hoje, pessoal e profissional?
- Por que eu trabalho? E por que nesta empresa?
- Quais são as minhas qualidades e defeitos?
- O que, em mim, mais atrapalha eu conseguir o que quero?
- Como está a minha mente? Ela é calma e serena?
- O que eu estou fazendo, de verdade, para melhorar tudo isso?
 
Fonte: Invok People & Purpose - www.invok.com.br

Posts Recentes