6 hábitos que farão você falhar na vida 6 hábitos que farão você falhar na vida
Por Roberta Trindade

Os hábitos cotidianos são mandatórios tanto para o sucesso quanto para o fracasso. Conscientemente, muitas vezes, sabemos quais ações devemos executar para obtermos resultados positivos. E mesmo sabendo, temos dificuldades para evoluir em algumas áreas, porque não conseguimos alterar nossos hábitos. Você já parou para pensar, por que isso acontece?

O que nos impede de atingir nossos objetivos não são os fatores externos, e sim, nossas crenças limitantes. Toda mudança deve começar por uma quebra de paradigmas, mas nem sempre isso é fácil.

Acreditamos que certos sonhos são impossíveis, e, por conseguinte, não alteramos hábitos e assim, os sonhos realmente nunca viram projetos de vida. Tais crenças nos impedem de enxergar outras perspectivas, porque acreditamos em uma verdade absoluta que foi formada, na maioria das vezes, no berço de experiências negativas e reforçada pelo meio. Este estado mental manda sinais para o cérebro de que algo não é possível, e isso vai formando nossos hábitos.

Confira 6 hábitos que te levarão a falhar na vida:

1- Queixe-se de tudo e veja sempre o lado negativo das pessoas e das coisas

Preste atenção se você é o tipo de pessoa que está permanentemente insatisfeita, enxerga sempre o lado negativo das situações e mais, se suas queixas estão comumente relacionadas ao outro, se tudo é culpa de algo ou de alguém. Você é rápido em criticar as pessoas e situações e dificilmente abre a boca para elogiar.

É importante entender que este hábito cria uma atmosfera de negatividade e pessimismo à sua volta, impedindo de apreciar o lado bom da vida e das pessoas, enxergando sempre o copo meio vazio. Queixar-se de tudo, não vai te ajudar a alcançar seus objetivos. Para variar, exerça o hábito de elogiar e de ser feliz com os detalhes e quando não for possível, analise como poderá ajudar; qual seu grau de responsabilidade frente ao cenário que se apresenta.

2- Não exerça a gratidão

Sempre que algo de ruim acontece, pense imediatamente: poderia ser pior? E assim, diariamente faça o exercício da gratidão. Ao final do dia, pense em no mínimo três aspectos de sua vida que são motivos de agradecimento. Este hábito fará com que veja quão afortunado você é e isso vai te ajudar a combater o primeiro hábito, se for o caso. A gratidão abre portas, atrai pessoas e certamente vai te ajudar a ter êxito em muitos aspectos de sua vida.

3- Sofra por antecipação

Muitas das coisas pelas quais sofremos, nem chegam a se concretizar. Então viva um dia de cada vez, focando sempre em experiências positivas da sua vida e esperando sempre pelo melhor.

4- Tente agradar a todos

O medo da rejeição leva muitas pessoas a camuflarem suas vontades e sua forma de ser e/ou agir. Mesmo que este comportamento, muitas vezes, o desvie de seus objetivos, não conseguem dizer não, nem impor limites por que esperam aprovação de todos. O hábito de querer agradar a todos além de não ser saudável, irá boicotar  objetivos, porque pela complexidade do ser humano, é impossível ter aprovação unânime.

5- Crie desculpas e deixe-se paralisar pelo medo

Existe uma máxima que diz: “quem quer, arruma um jeito. Quem não quer, arruma uma desculpa”. É importante lembrar que pessoas vitoriosas possuem algumas características similares, tais como, foco, coragem, disciplina, iniciativa, persistência e determinação. Mudar um hábito, nem sempre é fácil. Mas certamente, não assumir seus erros, culpar o outro, deixar o medo ditar o seu destino e criar desculpas, não necessariamente te ajudarão a crescer. Dê o primeiro passo com ousadia, assuma suas rédeas, foque na solução e não no problema.

6- Não defina objetivos. Ou definindo objetivos, estipule metas inalcançáveis

Para que obtenha êxitos e resultados satisfatórios, você precisa inicialmente de objetivos. Porém, eles pouco valerão se não vierem acompanhados de metas possíveis. Vamos pensar em um indivíduo que quer emagrecer. Nesta sentença seu objetivo é perder peso. E então ele estipula que quer perder 6 kg em 3 dias. Por mais rápido que seja o metabolismo da pessoa e por mais que faça exercícios e que tenha realizado uma boa reeducação alimentar, é muito difícil alcançar resultados positivos nesta empreitada neste curto tempo. A probabilidade de um indivíduo que não estipula corretamente seus objetivos e metas desmotivar-se é muito grande. Então crie mini metas e estratégias. Estipule um prazo coerente. Não desanime nos primeiros obstáculos e tenha sempre o foco no objetivo principal.

Para obter êxito em seus objetivos, o primeiro passo é descobrir quais suas crenças limitantes e ter consciência de sua causa, trazendo à luz o que te impede de mudar. A partir daí transforme seus hábitos gradativamente, por meio de pequenos exercícios diários. Estas dicas farão significativa diferença em seu cotidiano.

Roberta Trindade coordena a área de treinamento, qualidade e atendimento em uma das maiores Instituições de Ensino do Brasil.

Fonte: http://www.administradores.com.br/
Tags: Coragem, Crenças, Crenças limitantes, Fracasso, Gratidão, Medo, Metas, Objetivos, Sucesso
06/03/2017 - 30 frases de motivação para sua semana ser incrível
13/02/2017 - A diferença dos diferentes
02/01/2017 - Para quem você trabalha?
20/02/2017 - A atitude é tudo - ou nada!
16/01/2017 - Qual é o seu legado?
23/01/2017 - Você já motivou seu chefe hoje?
Texto da Busca:
Data Inicial:
Data Final:
                   
felicidade empreendedorismo determinação dicas sonhos atitudes reflexão oportunidades sucesso atitude motivação objetivos vida persistência mudança otimismo liderança desafios iniciativa hábitos

Notícias | Artigos | Motivação | Cases | Feiras | Links | Newsletter | Cadastre-se | Calendário do Varejo | Twitter | RSS | Fale Conosco
© 2017 Copyright Varejista.com.br. Todos os direitos reservados. - Site: SGP Infront