• Novembro de 2017
Home / Dicas / Operações

Operações

5 dicas de administração do maior imp...

5 dicas de administração do maior imperador chinês

Seja para administrar um governo, uma empresa ou mesmo uma equipe, um líder exerce um poder enorme sobre as pessoas, e suas decisões influenciam diretamente o andamento dos negócios. Para ser um administrador de sucesso, é preciso criar uma estrutura forte, dentro da qual os funcionários possam se desenvolver, crescer e alcançar resultados. 

E, para seguir no caminho certo, por que não revisitar a história e aprender com as lições dos grandes mestres? Responsável por transformar a China em um dos maiores e mais poderosos países do mundo no século 7, o imperador Tang Taizong se tornou uma referência de administração, liderança e recursos humanos na Ásia, sendo estudado até hoje por governantes e empresários. Entre os segredos de sua longa e próspera dinastia, estão as habilidades de avaliar pessoas, reconhecer talentos e trabalhar em equipe. 

As conversas milenares entre o imperador e seus ministros foram registradas e, pela primeira vez, esses ensinamentos são disponibilizados para o público ocidental. Confira, abaixo, alguns dos principais segredos da administração de Taizong: 

- Eficiência e eficácia. De acordo com o imperador, eficiência é a capacidade de fazer as coisas da melhor maneira, enquanto a eficácia significa fazer as coisas certas. Você pode aumentar a eficiência tendo uma equipe com menos pessoas, porém mais talentosas, em vez de ter muita gente medíocre. Já para ter eficácia, você deve encorajar as pessoas a externarem suas opiniões, a fim de tomar decisões corretas; 

- Delegar tarefas. Você deve delegar responsabilidades a subordinados capazes de lidar com elas. Isso não apenas reduzirá sua carga de trabalho, como evitará erros custosos. Se um governante ou líder tiver de lidar sozinho com todos os desafios, certamente cometerá erros; 

- Honestidade. Você deve desencorajar a obediência cega e comportamentos que preservem o prestígio à custa da honestidade. O imperador destacava que um soberano precisa ser tolerante, modesto e humilde, exercer sua autoridade com prudência, não tentar esconder os próprios erros e saber ouvir quando necessário; 

- Reconhecer talentos. Você deve se empenhas mais em encontrar as qualidades dos outros e elogiá-las do que em encontrar suas falhas e criticá-las. Um líder deve saber identificar os pontos fortes e fracos de cada funcionário e, acima de tudo, fazer o melhor uso deles para que o potencial máximo seja alcançado. 

- Confiança mútua. Você deve fazer com que as pessoas sintam que têm a sua confiança. Assim, elas trabalharão melhor para você. Para Taizong, era muito importante prestar atenção e conversar com os trabalhadores mais simples, já que o modo como trabalham tem impacto direto sobre o futuro do governo, empresa ou organização.

 * Chinghua Tang fez graduação na London School of Economics e foi o primeiro chinês a conseguir um MBA em Harvard. É autor do livro “O guia do líder”, lançado em 2017 pelo selo Planeta Estratégia, da Editora Planeta.

Posts Recentes