• Outubro de 2017
Home / Cases

Expand

03.jpg
Criar condições para que o maior número de pessoas possa ter uma boa e inesquecível experiência com o vinho. Essa sempre foi a missão principal da EXPAND. Com seus pontos de vendas acessíveis para um maior número de pessoas, vinhos de alta qualidade de diversas faixas de preços e provenientes de vários países, uma equipe preparada para atender e indicar o melhor para cada ocasião e perfil de cliente, milhões de brasileiros aprenderam a apreciar essa divina arte com a EXPAND.
A história

Otávio Piva de Albuquerque costuma brincar quando perguntado sobre a história da EXPAND. “A culpa é da minha filha”, diz ele, ao justificar que largou seu trabalho em uma empresa de importação quando teve seu pedido de aumento negado e sua esposa estava grávida da primeira filha, Tatiana. Empreendedor nato e com grande visão de mercado, ele desistiu de ser empregado para se tornar patrão. 

De seus contatos no exterior, especialmente no Chile, conseguiu a representação da vinícola Cosiño Macul e abriu sua própria empresa, juntamente com sua mulher Tânia Piva de Albuquerque, no dia 2 de fevereiro de 1978, contando com a ajuda de apenas dois funcionários: uma secretária e um office-boy. Com esta iniciativa o empresário seria responsável por popularizar o hábito de beber e apreciar vinhos de alta qualidade no país, além de difundir e desenvolver a cultura do vinho no Brasil, praticamente inexistente naquela época. 

Inicialmente, meia dúzia de pessoas iam bater à porta das famílias ricas de São Paulo portando debaixo do braço uma pequena geladeira com vinhos brancos alemães, alguns tintos chilenos e taças para degustação. Na história da empresa houve alguns momentos importantes e primordiais que contribuíram para seu sucesso. Um deles aconteceu na década de 1980, quando ele convenceu o fabricante do vinho branco alemão Liebfraumilch a produzir garrafas na cor azul. “O consumidor chegava à loja e pedia o vinho da garrafa azul”, costuma falar Piva ao lembrar que, na época, o país importava 2 milhões de caixa, das quais 1.2 milhões eram do “vinho da garrafa azul”.
Nessa mesma época, quando as importações foram facilitadas (as barreiras tarifárias foram drasticamente reduzidas) e o brasileiro começou a ter mais acesso aos vinhos de alta qualidade de outros países, a EXPAND obteve a representação exclusiva da tradicional vinícola chilena Concha Y Toro e fez um excelente trabalho de distribuição e marketing, o que lhe rendeu credenciais para vender outros importantes rótulos no Brasil. Depois dos chilenos, vieram os vinhos franceses, italianos, espanhóis, portugueses, argentinos, entre outros.
01.jpg
Aos poucos, a EXPAND conquistou a confiança dos melhores e maiores produtores de vinhos da Europa, Estados Unidos, América Latina, África e Oceania. Em 1992, conseguiu a representação do Romanée Conti, considerado um dos melhores e mais caros vinhos do mundo. Nesta época, rótulos exclusivos, como por exemplo, Castelo de Fonterutoli, Concha y Toro, Eduardo Chadwick, Taittinger, Guigal, Finca Sophenia, Renato Ratti, Roda e Achaval Ferrer repousavam nas adegas da empresa. Em meados dessa década, em outra aposta acertada, ele estimulou a vinícola Concha y Toro a produzir um vinho de preço acessível, orientado para o mercado brasileiro. Nascia assim o Sunrise, lançado em 1997 e primeiro vinho importado a aparecer em outdoors e ter uma campanha publicitária na televisão (bancada pela EXPAND). O ano de 2002 foi considerado outro marco para a empresa.

Aos poucos a empresa percebeu que sua atuação com lojas próprias no varejo era crucial para seu crescimento. Iniciou então a inauguração de luxuosas lojas em pontos nobres de São Paulo, batizados de EXPAND STORE, com o objetivo de seduzir os consumidores pelos aromas, harmonizações com o cardápio escolhido, safras, taças especiais, acessórios e orientação capacitada sobre a bebida considerada o “néctar dos Deuses”. Hoje em dia a EXPAND possui lojas em grandes cidades brasileiras, e, algumas delas, oferecem diferenciais em relação a oferta de serviços: além do atendimento especializado, os clientes contam com o Programa Wine Education que engloba cursos (básicos, avançados e temáticos), degustações, encontros gastronômicos (Wine Dinners) e eventos especiais que harmonizam vinhos e músicas como Jazz e MPB.

Após difundir e consagrar o vinho no Brasil, Otávio começou a investir no vinho brasileiro, como um dos proprietários da Vinibrasil, fabricante dos vinhos Rio Sol e Adega do Vale, em terras pernambucanas - mais especificamente, a 60 quilômetros da cidade de Petrolina, na região do Rio São Francisco. As primeiras safras produzidas chegaram ao mercado em 2004 fazendo enorme sucesso: foi eleito o melhor vinho brasileiro do ano no Segundo Concurso Internacional de Vinhos, realizado em Bento Gonçalves, e o primeiro vinho brasileiro a receber 83 pontos pela respeitada revista Wine Spectator. Nos últimos anos, depois de perder algumas de suas marcas mais importantes, como a argentina Zuccardi e a italiana Marchesi di Antinori; ser obrigada a vender sua parte na ViniBrasil; e atravessar uma crise sem precedentes, muito em virtude de má administração de seus executivos, a EXPAND passou por uma enorme reestruturação, que contou com o fechamento de inúmeras lojas e a volta do fundador ao comando da empresa.

Apesar disso, a empresa continuou crescendo, ampliando seus pontos de venda pelo país, conquistando rótulos e produtores importantes como o Wine Circus, do Roberto Cipresso, que é atualmente um dos melhores enólogos da Itália, lançando novidades no mercado e até iniciou a produção de seus próprios rótulos no Chile. Há pouco tempo atrás a EXPAND deu o pontapé inicial para colocar sua experiência em vinhos à disposição do mundo digital. Reconhecida por desenvolver o mercado de vinhos no Brasil, lançou o primeiro aplicativo de vinhos para iPhone do país e colocou o mundo dos vinhos na palma da mão. Literalmente. Através da tela sensível ao toque do aparelho, os usuários podem acessar diversos serviços: catálogo de vinhos da EXPAND, fichas técnicas dos rótulos, endereços das mais de 15 lojas espalhadas pelo Brasil, com um link direcionado para o Google Map que mostra a exata localização da unidade mais próxima. O aplicativo traz ainda uma seção de notícias e outra de harmonização.

A marca no Brasil
02.jpg
Atualmente a EXPAND, maior importadora de vinhos do Brasil, é proprietária de um respeitável portfólio com mais de 1.000 rótulos de vinhos provenientes de 13 países (África do Sul, Alemanha, Argentina, Austrália, Brasil, Chile, Espanha, Estados Unidos, França, Itália, Nova Zelândia, Portugal e Polônia). Tem ainda a maior rede de distribuição do mercado, com mais de 15 lojas em importantes cidades do país, mais de 1.000 supermercados e 1.500 restaurantes atendidos, além da venda direta ao consumidor final pelo Expand Wine Center e loja virtual.
Você sabia?

- O badalado vinho Casillero del Diablo, de propriedade da Concha y Toro, é o único da vinícola chilena que o empresário não vende no Brasil por questões religiosas (por causa do nome e da imagem no rótulo).

- O fundador da EXPAND é irmão de Eliana Tranchesi, fundadora da sofisticada Daslu.


Por Blog Mundo das Marcas - www.http://www.mundodasmarcas.blogspot.com.br/
As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Isto é Dinheiro, Exame, Veja e Época Negócios), jornais (Valor Econômico), sites especializados em Marketing e Branding (Mundo do Marketing) e Wikipedia (informações devidamente checadas).