• Outubro de 2017
Home / Artigos / Vendas

Quatro benefícios da integração varejo tradicional e varejo online

Por Luan Gabellini

Com os avanços do e-commerce, praticamente tudo pode ser comercializado pela internet. Mesmo sabendo que alguns segmentos atuam melhor em uma loja física, a opção de venda online como canal complementar não deve ser descartada, isso porque existe uma forte tendência de aumento das transações virtuais graças à popularização do acesso à internet e uma mudança de comportamento do consumidor, que busca cada vez mais conveniência.

Se você já está no varejo tradicional, a opção de começar na internet torna-se muito mais simples, uma vez que você já conhece o mercado, dispõe de estoque e tem uma marca localmente conhecida. Confira abaixo os quatro benefícios de integrar as operações da sua loja física e virtual:

Menor custo de start-up: A diferença de investimento para quem já está no varejo é de milhares de reais, uma vez que você pode (e deve) aproveitar a capacidade instalada do seu negócio para operar ambos os canais. Estamos falando de mão de obra, estoque e canais de marketing, por exemplo.

Aumente o seu alcance: Essa é de longe a principal vantagem desse canal, o número de potenciais clientes do seu negócio. A internet no Brasil ultrapassa 100 milhões de usuários, esse é o mercado a ser explorado pela sua loja virtual. Para ter noção do aumento de perspectiva, basta comparar esse número com a quantidade de pessoas que vivem na sua cidade.

Fortifique sua marca: Do mesmo modo que você aumenta o potencial de consumidores, aumenta também a quantidade de pessoas que interagem com a sua marca. Isso vai beneficiar também o seu canal tradicional.

Ganhe escala: Com aumento do volume de vendas do canal online seu negócio ganha escala. Você consegue maior poder de barganha com seus fornecedores, pode baixar os preços, melhorar sua margem ou aumentar o mix de produtos disponíveis.

Luan Gabellini é sócio fundador da BetaLabs, empresa especializada no desenvolvimento de sistemas de gestão empresarial (ERP), e-commerce e softwares sob medida em cloud computing.